O PROJETO




QUEM SOMOS


SEU FILHO CRESCEU. E NÓS EVOLUÍMOS COM ELE

O Projeto CONEXÃO Mentes do Futuro faz parte de um movimento dedicado aos estudos sobre os jovens em todo o mundo. É uma evolução do Projeto Prevenção, que você já conhece, e que em 8 anos de atuação acompanhou crianças e jovens de 2.511 famílias nas cidades de Porto Alegre e São Paulo.

As perguntas que você respondeu nos questionários, os testes de computador, as informações da saliva e dos exames de imagem ajudam os pesquisadores do projeto a entender o desenvolvimento normal e a entender por que algumas crianças e adolescentes tem dificuldades para lidar com as emoções, comportamentos e pensamentos. A partir desse entendimento eles conseguem propor iniciativas que auxiliem na prevenção destes transtornos e na melhora contínua da qualidade de vida dos jovens.

É uma realização do Instituto Nacional de Psiquiatria para o Desenvolvimento da Infância e Adolescência (INPD), entidade que promove inciativas, pesquisas e projetos, buscando o desenvolvimento de tecnologias para a prevenção dos transtornos na área de saúde mental e proporcionar uma formação de ponta em psiquiatria do desenvolvimento, inclusive em locais menos evoluídos do Brasil.

Nosso projeto também tem um importante braço internacional. Contamos com a colaboração de longa data da Dra. Sara Evans-Lacko e também com a colaboração dos colegas da London School of Economics and Political Science e King's College London. Essa vertente do projeto se concentra em entender como países, vizinhanças e culturas também podem influenciar os jovens. Buscamos descobrir as mais variadas formas de ajuda que os pais e os jovens procuram quando identificam algum tipo de problema em seu comportamento ou com as suas emoções. Nosso objetivo é tentar garantir que os serviços locais sejam capazes de ajudar e apoiar os jovens da forma mais eficaz possível, para que eles possam alcançar todo o seu potencial. 

Você pode aprender mais sobre essa vertente internacional do nosso projeto e pesquisa aqui e também saber mais sobre a nossa parceira Dra. Sara Evans-Lacko. 

NOSSA MISSÃO






Nossa missão é, junto com vocês, pais, acompanhar a trajetória do desenvolvimento do seu filho, da adolescência à idade adulta. Para nós, todos os aspectos ligados ao desenvolvimento dele, tanto psicológico quanto biológico e social, são importantes.

Sua participação, até o momento, foi indispensável para avançar no entendimento de como surgem os problemas de comportamento e emoções na infância. A continuidade dessa participação nos permitirá entender uma nova etapa do desenvolvimento: a adolescência e a transição para a idade adulta. Esse estudo nos permitirá entender como o cérebro e a mente se modificam, interagindo com fatores do ambiente para gerar saúde e bem-estar. Sempre tendo em vista que o mais importante é, sempre, valorizar o que o seu filho tem de melhor.

NOSSA VISÃO

  • Medicina preventiva, intervenções baseadas em evidências;
  • Ser o centro de referência nacional na área de saúde mental para infância e adolescência;
  • Polo inovador na produção de pesquisa e conhecimento com fortes conexões com centros de referência internacionais.

NOSSOS VALORES

  • Atenção ao Paciente (as necessidades dos pacientes e de suas famílias são os norteadores das nossas ações);
  • Transmissão de conhecimento (o conhecimento gerado pelo INPD é de todos);
  • Compartilhar conhecimento com os profissionais da área da saúde (os conhecimentos gerados são compartilhados através de artigos científicos e outros meios de comunicação);
  • Credibilidade (compromissos assumidos serão cumpridos);
  • Diversidade (o INPD está aberto às mais diversas vertentes do conhecimento que possam ser testadas por métodos científicos);
  • Comprometimento (a equipe do INPD é comprometida com a realização dos seus objetivos);
  • Produtividade (projetos são concluídos e os resultados das pesquisas publicados em revistas nacionais e internacionais).

A IDENTIFICAÇÃO PRECOCE O É O PRIMEIRO PASSO PARA UMA MELHOR QUALIDADE DE VIDA

Tão importante quanto trabalhar em prol de ampliar o conhecimento em saúde mental na infância e adolescência no Brasil é dividir os resultados e trocar experiências com a sociedade.

Mais que diagnosticar possíveis problemas que seu filho possa apresentar, o Projeto CONEXÃO Mentes do Futuro tem como objetivo primordial valorizar as potencialidades dele. Por isso, é fundamental que você assuma o compromisso de manter seu filho no Projeto. Mesmo que ele já tenha recebido algum retorno, continuaremos fazendo avaliações que serão realizadas e analisadas por alguns dos melhores profissionais do mundo, e de graça.

Nesta fase, os profissionais do Projeto disponibilizam as seguintes informações:

  • avaliação detalhada de dificuldades emocionais, como ansiedade e depressão;
  • avaliação detalhada de dificuldades com comportamento, como déficit de
  • atenção/hiperatividade;
  • avaliação específica sobre dificuldades de aprendizagem;
  • profissional pronto a esclarecer suas dúvidas e encaminhar para ajuda especializada;
  • avaliação geral da saúde física;



OS RESPONSÁVEIS




< >


PROF. DR. RODRIGO AFFONSECA BRESSAN

COORDENADOR


 

CURRICULO: Rodrigo Affonseca Bressan é coordenador do Eixo de Pesquisa do Instituto Nacional de Psiquiatria do Desenvolvimento para Crianças e Adolescentes, está à frente do PROESQ, programa de pesquisa clínica sobre esquizofrenia e transtorno bipolar que é referência, e é coordenador do Laboratório Interdisciplinar de Neurociências Clínicas – LINC, com enfoque em neurociência translacional, incluindo neuroimagem estrutural e molecular, genética, neuropsicologia, biomarcadores em modelos animais e na pesquisa com seres humanos. Recentemente, o pesquisador fundou o Centro de YMind de Prevenção de Transtornos Mentais



PROF. DR. GIOVANNI ABRAHÃO SALUM JÚNIOR

VICE-COORDENADOR


CURRICULO: Giovanni Abrahão Salum é médico, com formação em psiquiatria pelo Hospital de Clínicas de Porto Alegre, doutorado e pós-doutorado no Programa de  Psiquiatria e Ciências do Comportamento da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). É vice-coordenador do Projeto Conexão - Instituto Nacional de Psiquiatria do Desenvolvimento para Crianças e Adolescentes. Suas pesquisas estão focadas em entender os mecanismos pelos quais fatores genéticos e ambientais influenciam a regulação das emoções e a formação de laços sociais na infância e adolescência.



DR. PEDRO MARIO PAN

SECRETÁRIO


CURRICULO: Pedro Mario Pan é médico psiquiatra, mestre e doutor em psiquiatria pelo Departamento de Psiquiatria da Escola Paulista de Medicina - Universidade Federal de São Paulo (EPM-UNIFESP), pesquisador do Projeto Conexão - Instituto Nacional de Psiquiatria do Desenvolvimento para Crianças e Adolescentes. Suas pesquisas têm foco nos transtornos de humor na adolescência e no início da vida adulta.



PROF. DR. EURÍPEDES CONSTANTINO MIGUEL (USP)

CONSELHEIRO


CURRICULO: Eurípedes Constantino Miguel é professor titular do Departamento de Psiquiatria da Faculdade de Medicina da USP desde 2009, Coordenador Geral do Instituto Nacional de Psiquiatria do Desenvolvimento para Crianças e Adolescentes e está à frente, desde 2012, de seu terceiro projeto temático, que aborda o transtorno obsessivo-compulsivo, na Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo – FAPESP. Desde 2010, é um dos organizadores do Projeto Clínica Psiquiátrica, que visa promover a educação continuada de psiquiatras em todo o Brasil.



PROF. DR. JAIR DE JESUS MARI (UNIFESP)

CONSELHEIRO


CURRICULO: Jair de Jesus Mari, que é o Coordenador do Eixo de Recursos Humanos do Instituto Nacional de Psiquiatria do Desenvolvimento para Crianças e Adolescentes, desde 1996, é professor titular da Universidade Federal de São Paulo – UNIFESP, onde alcançou a sua livre-docência e atualmente coordena a área de livre-docência, e Professor Honorário do Instituto de Psiquiatria da King’s College, em Londres.



PROF. DR. LUIS AUGUSTO ROHDE (UFRGS)

CONSELHEIRO


CURRICULO: Luis Augusto Rohde é vice-coordenador do Instituto Nacional de Psiquiatria do Desenvolvimento para Crianças e Adolescentes, professor titular do Departamento de Psiquiatria e Medicina Legal da Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS, onde concluiu seu mestrado e doutorado, bolsista de produtividade em pesquisa nível 1A do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico – CNPq e, desde 2001, diretor do Programa de Déficit de Atenção/Hiperatividade no Hospital de Clínicas de Porto Alegre.



COORDENAÇÕES DE ÁREA


  • PROF. DR. ARY GADELHA (PSIQUIATRIA - UNIFESP)
  • PROFA. DRA. ANDREIA PAROLIN JACKOSWKI (NEUROIMAGEM - UNIFESP) 
  • PROFA. DRA. SÍNTIA IOLE NOGUEIRA BELANGERO (GENÉTICA E BIOMARCADORES - UNIFESP)
  • PROF. DR. JOÃO RICARDO SATO (PROCESSAMENTO DE IMAGEM - UFABC)






NOSSOS ENTREVISTADORES

Conheça os nossos entrevistadores!


< >


Jone Tung


Entrevistador de Porto Alegre



Carlos Eduardo


Entrevistador de São Paulo



Aidê do Nascimento


Entrevistadora de São Paulo



Daniela Tavares


Entrevistadora de São Paulo



Felipe Ribas


Entrevistador de São Paulo



Angela Maria


Entrevistadora de Porto Alegre



Ana Cristina


Entrevistadora de Porto Alegre